Eu não sabia que o polvo podia andar fora da água, se eu encontro um polvo andando assim na areia eu saio correndo igual ao flash”. Esta é a legenda que acompanha uma das inúmeras partilhas feitas nas redes sociais de um vídeo com um polvo num local nada comum.

polvo publicação falsa

Nas imagens, é possível ver um destes moluscos a deslizar a grande velocidade no areal. O vídeo é autêntico?

O vídeo em causa foi originalmente publicado no dia 1 de agosto, na conta de Instagram do utilizador ghost3dee. De acordo com a Snopes, plataforma norte-americana de fact-checking, trata-se de um artista de efeitos visuais que trabalha no Qatar e que diz chamar-se Alex Z. 

polvo animado

Na legenda da publicação pode ler-se que o polvo Churro está dar “um passeio na praia” com o seu “corpo renovado”. O autor do vídeo completa a mensagem com o uso de hashtags que indicam tratar-se de uma animação digital, como #animação #criaturaanimada. O dicionário de Oxford define hashtag como “uma palavra ou frase precedida por um símbolo de #, usada nas redes sociais ou aplicações, especialmente no Twitter, para identificar mensagens sobre um tema específico”. 

Antes de publicar o vídeo final do “passeio” do Churro, ghost3dee já tinha partilhado imagens de fases anteriores de criação do polvo animado. 

polvo animado criação

O artista de efeitos visuais explicava, então, que estava ainda a criar um “corpo real” ao molusco de maneira a que este pudesse ser colado em vários cenários. “Invertebrados e os seus movimentos são uma grande inspiração para plataformas complexas e sempre me fascinaram, principalmente os polvos. Para mim, têm definitivamente origem alienígena. Criaturas incríveis”,  conclui. 

O vídeo partilhado nas redes sociais não é verdadeiro. Trata-se de uma criação animada feita por um artista de efeitos visuais, que na sua página no Instagram foi revelando os vários passos da construção do polvo "Churro".

_____________________________

Avaliação do Polígrafo: 

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.
Falso
International Fact-Checking Network