"Ao que parece, vão ser colocadas novas portagens na saída de Ermesinde. Portanto, o cinto vai apertar ainda mais para a população de Valongo, que já sente atualmente estes custos no orçamento familiar", alega-se numa publicação de uma página direcionada para a população do concelho de Valongo no Facebook.

"Onde estão os representantes da população para colocar um travão nestas 'negociações' e lutar pelos nossos interesses?", questiona-se. Na imagem vê-se uma placa de indicação da Via Verde, mas nela está escrito: "Aperte (ainda mais) o cinto"

É verdade que vai existir uma nova portagem em Ermesinde?

Antes de mais é importante explicar que a autoestrada em causa é a A4, a única que passa na freguesia de Ermesinde que se situa no concelho de Valongo.

Ao Polígrafo, fonte oficial da Câmara Municipal de Valongo afirma que a autarquia desconhece a informação.

"A Câmara Municipal de Valongo estranha a questão porque desconhece o assunto, e naturalmente estará contra a colocação de quaisquer novas portagens na saída de Ermesinde. No entanto, apesar de suspeitar que se trata de uma tentativa de desinformar as populações, vai de imediato questionar o Ministério das Infraestruturas sobre o assunto, pois é a única entidade no país que pode esclarecer esta matéria", refere.

O Ministério das Infraestruturas e da Habitação (MIH), contactado pelo Polígrafo, explica que essa "possibilidade consta de um dos cenários de um estudo elaborado pela Infraestruturas de Portugal [IP] para avaliar possíveis medidas de redução de tráfego na VCI no Porto".

Contudo, "não há nenhuma decisão tomada sobre o assunto e, a ser tomada, será devidamente articulada e partilhada com os representantes locais", complementa fonte do MIH.

Conclui-se que não há nenhuma decisão que vise a instalação de novas portagens na saída da A4 para Ermesinde. Ainda assim, de acordo com o MIH, essa é uma possibilidade que está a ser avaliada pela IP, de forma a aliviar o trânsito na VCI.

__________________________________________

Avaliação do Polígrafo:

Siga-nos na sua rede favorita.
Impreciso
International Fact-Checking Network