"Taremi: 75 jogos, 15 penáltis ganhos. Jonas: 183 jogos, oito penáltis ganhos. É estupidez comparar um ao outro", lê-se no post de 4 de abril no Facebook, denunciado como fake news.

O Polígrafo consultou os dados compilados nos sites "Transfermarkt" e "Zerozero", especializados em futebol, para verificar se os números evocados na publicação em causa estão corretos.

De facto, Jonas chegou a Portugal aos 30 anos de idade e assinou pelo Benfica em setembro de 2014. Durante as cinco temporadas em que esteve no clube lisboeta, o avançado realizou 183 jogos (distribuídos por várias competições), nos quais marcou 137 golos e fez 42 assistências.

Na primeira época, o brasileiro sofreu duas grandes penalidades, assim como em 2015/2016 e em 2017/2018. Nas outras temporadas (2016/2017 e 2018/2019) sofreu um em cada. No total foram oito faltas para grande penalidade, das quais sete em jogos da Liga NOS e uma na Taça de Portugal. Jonas terminou a carreira no final da última temporada no Benfica.

Por sua vez, Taremi entrou no futebol português via Rio Ave em julho de 2019. Já internacional pela seleção do Irão e com uma carreira longa no Médio Oriente, Taremi foi o segundo melhor marcador da Liga NOS na época de estreia, com os mesmos golos de Carlos Vinícius (avançado do Benfica que venceu o prémio), mas com mais minutos jogados.

Além dos golos, o avançado iraniano sobressaiu pelos nove penáltis ganhos. Destaque para a partida da 4ª jornada entre os vilacondenses e o Sporting Clube de Portugal, em Alvalade. O jogo terminou com a vitória do Rio Ave por 2-3 e os três golos da equipa foram obtidos a partir de grandes penalidades sofridas por Taremi.

No início da presente temporada, Taremi saltou para o FC Porto e já leva 16 golos pelo novo clube. O iraniano continuou a sofrer penáltis, somando seis até ao momento. No total, Taremi já fez 76 jogos por equipas portuguesas e sofreu 15 grandes penalidades. A maioria (12) foram na Liga NOS, mais um na Taça de Portugal, um na Supertaça Cândido de Oliveira e um na Liga dos Campeões.

Em suma, os números evocados na publicação estão corretos, excepto numa pequena imprecisão quanto ao número de jogos de Taremi, não contando com o mais recente embate entre o FC Porto e o Clube Desportivo de Tondela.

Por outro lado, não se refere que cerca de metade dos jogos realizados por Taremi em Portugal foram com a camisola do Rio Ave, o que pode ser enganador, sugerindo que as 15 grandes penalidades beneficiaram o FC Porto, quando foram apenas seis até ao momento.

__________________________________________

Nota editorial: este conteúdo foi selecionado pelo Polígrafo no âmbito de uma parceria de fact-checking (verificação de factos) com o Facebook, destinada a avaliar a veracidade das informações que circulam nessa rede social.

Na escala de avaliação do Facebookeste conteúdo é:

Verdadeiro: as principais alegações do conteúdo são factualmente precisas; geralmente, esta opção corresponde às classificações "Verdadeiro" ou "Maioritariamente Verdadeiro" nos sites de verificadores de factos.

Na escala de avaliação do Polígrafoeste conteúdo é:

Siga-nos na sua rede favorita.
Verdadeiro, mas...
International Fact-Checking Network