As comparações entre os dois países vizinhos - Espanha e Portugal - têm sido frequentes nas redes sociais e motivo de sucessivas verificações de factos. Desde o nível de vida e rendimentos até aos preços de produtos, taxa de inflação ou peso dos impostos, entre outros indicadores, na maior parte das publicações aponta-se para a suposta vantagem de viver do lado espanhol, mas nem sempre os dados indicados estão corretos.

"Salário médio: 2.600 euros em Espanha e 1.300 euros em Portugal", alega-se num dos exemplos mais recentes, um post de 29 de novembro no Facebook, com origem num grupo promovido por "reformados e pensionistas". A diferença de valores (o dobro em Espanha) suscitou dúvidas a vários leitores que pediram para conferir.

No Eurostat, serviço de estatística da União Europeia, há um indicador anual de "salário médio ajustado por funcionário a tempo integral" que possibilita uma comparação direta entre Portugal e Espanha, além dos demais Estados-membros.

De acordo com os últimos dados referentes a 2021, em Espanha registou-se um salário médio ajustado de 29.155 euros - ou, dividido por 12 meses, cerca de 2.430 euros. Por seu lado, em Portugal registou um salário médio ajustado de 19.312 euros - ou, dividido por 12 meses, cerca de 1.609 euros. Valores inferiores à média da União Europeia que ascendeu a 33.627 euros - ou, dividido por 12 meses, cerca de 2.802 euros.

Ou seja, os valores indicados no post não estão corretos. Embora seja bastante superior, o salário médio em Espanha não é o dobro em comparação com Portugal.

Mas importa também conferir os valores mais recentes e não ajustados.

Em Portugal, o Instituto Nacional de Estatística apurou que "em 2022, a remuneração bruta total mensal média por trabalhador aumentou, em relação a 2021, 3,6% para 1.411 euros, a sua componente regular aumentou 3,1% para 1.140 euros e a componente base aumentou 3,0% para 1.070 euros".

Quanto à vizinha Espanha, o Instituto Nacional de Estatística apurou que em 2022, o salário médio anual bruto por trabalhador foi de 25.353 euros - ou, dividido por 12 meses, cerca de 2.113 euros.

Assim se comprova, novamente, que os valores indicados no post não estão corretos e o salário médio em Espanha não é o dobro em comparação com Portugal, embora seja mais elevado.

____________________________

Avaliação do Polígrafo:

Assine a Pinóquio

Fique a par dos nossos fact checks mais lidos com a newsletter semanal do Polígrafo.
Subscrever

Receba os nossos alertas

Subscreva as notificações do Polígrafo e receba os nossos fact checks no momento!

Em nome da verdade

Siga o Polígrafo nas redes sociais. Pesquise #jornalpoligrafo para encontrar as nossas publicações.