Segundo uma publicação que já foi partilhada milhares de vezes nas redes sociais, o Partido dos Trabalhadores, historicamente liderado por Lula da Silva (entretanto preso por corrupção passiva), é a segunda maior organização criminosa mundial. À sua frente surge somente a máfia russa. Logo atrás aparecem o cartel de Medellín e a Camorra, ambos ligados ao tráfico de droga.

A informação foi verificada pelo site brasileiro de fact-checking Aos Fatos e a conclusão é de que é totalmente falsa.

Uma investigação à fonte do ranking em causa seria suficiente para perceber a natureza dúbia da informação: trata-se da “IBC.i”, uma organização que é inexistente.

lula da silva

O site brasileiro fez ainda mais um par de diligências para descodificar a informação:

  • Cruzou os dados com outros rankings internacionais de referência no que respeita às organizações criminosas (como aqueles que são elaborados pela Fortune e pela Business Insider, por exemplo), e em nenhum é mencionado o PT enquanto organização criminosa de relevo mundial.
  • Investigou se existe algum estudo fiável sobre os montantes alegadamente desviados pelos políticos do PT. Encontrou um caso, que respeita ao “buraco” orçamental criado pelos alegados pagamentos indevidos pela Petribras, a operadora petrolífera brasileira, que se situaram, entre 2004 e 2014. Porém, nesse caso em concreto não era apenas o PT que era suspeito de corrupção – essa desconfiança estendeu-se a políticos do PMDB e do PP.

Classificação do Polígrafo:

Falso