Portugal foi um dos dois países europeus mais rápidos da Europa a decidir medidas de contenção a partir do momento em que se atingiu o terceiro óbito por Covid-19.

Segundo o jornal online Politico, que fez essa contabilização, o único país que está a par de Portugal neste domínio é a República Checa. Ambos tomaram as principais medidas de confinamento antes mesmo de ocorrer a terceira morte.

Em Portugal, por exemplo, o terceiro óbito verificou-se a 20 de março (o primeiro ocorrera 4 dias antes), quando se registavam 1280 infectados. Antes disso, já o Governo de António Costa decidira suspender eventos, fechar escolas, fechar fronteiras ou limitar a circulação da população.

coronavirus
créditos: Fonte: Politico

Em contraste com a rapidez portuguesa está  o Reino Unido, que só fechou as escolas apenas 14 dias após a terceira morte e levou 15 dias a aplicar medidas de confinamento, bem como a Itália e a Espanha – onde está em curso um verdadeiro desastre de saúde pública –, que levaram, respectivamente, 14 e 10 dias entre a terceira vítima mortal e a imposição de regras de isolamento social.

Avaliação do Polígrafo: 

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.
Verdadeiro
International Fact-Checking Network