"Sabe que 40% das pessoas que morreram com Covid-19 eram idosos que estavam em lares?". A pergunta é feita em publicação a circular nas redes sociais e coloca o ênfase no elevado número de óbitos em residências para idosos.

mortos em lares

Esta publicação foi denunciada por utilizadores do Facebook como sendo falsa. A percentagem indicada está ou não correta?

Questionada pelo Polígrafo, fonte oficial do Ministério da Saúde indica que até quarta-feira, dia 12 de agosto, estavam confirmadas 681 mortes por Covid-19 em lares. Este valor representa 38,7% do total de 1.761 óbitos provocados pelo novo coronavírus em Portugal, desde o início da pandemia.

Segundo a mesma fonte, 309 mortes ocorreram em lares na região Norte do País, 143 na região Centro e 206 em Lisboa e Vale do Tejo. Em lares do Alentejo morreram 18 idosos e, no Algarve, 5.

Os números são similares aos anunciados pela diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, no dia 22 de abril. Nessa altura, segundo uma notícia do jornal "Público", já tinham morrido 327 idosos que viviam em lares, 40% dos 820 óbitos então confirmados em Portugal.

Dos 327 óbitos, 180 tinham ocorrido na região Norte, 106 no Centro e 39 em Lisboa e Vale do Tejo. Alentejo e Algarve registavam um caso cada.

Apesar da ligeira imprecisão na percentagem, classificamos esta publicação como verdadeira.

_________________________________________________________

Nota editorial: este conteúdo foi selecionado pelo Polígrafo no âmbito de uma parceria de fact-checking (verificação de factos) com o Facebook, destinada a avaliar a veracidade das informações que circulam nessa rede social.

Na escala de avaliação do Facebook, este conteúdo é:

Verdadeiro: as principais alegações do conteúdo são factualmente precisas; geralmente, esta opção corresponde às classificações "Verdadeiro" ou "Maioritariamente Verdadeiro" nos sites de verificadores de factos.

Na escala de avaliação do Polígrafo, este conteúdo é:

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.
Verdadeiro
International Fact-Checking Network