Uma imagem colocada a circular no Facebook brasileiro nos últimos dias apresenta o ex-presidente Lula da Silva numa posição reverencial perante o ex-ditador venezuelano Hugo Chávez (entretanto morto), perante o olhar do presidente boliviano Evo Morales, numa cimeira do Mercosul, realizada em 2007 em Montevideo. O post tem sido partilhado milhares de vezes, sobretudo por apoiantes de Jair Bolsonaro, que não apreciaram o coro de críticas que se formou contra o novo presidente do Brasil quando, na manhã da passada quinta-feira, 29, ao encontrar-se com John Bolton, conselheiro de Segurança Nacional da Casa Branca, lhe fez continência, no que foi encarado como um sinal de vassalagem perante o poder norte-americano.

Juntamente com a imagem, os seus promotores anexaram comentários como os que se seguem:

- “Tem esquerdista reclamando que Bolsonaro prestou continência para o assessor de Segurança National de Trump, mas será que eles se indignaram quando Lula se ajoelhou e falou ao microfone do ditador Hugo Chávez?

- “Petistas disseram que Jair Messias Bolsonaro PRESTAR [SIC]continência ao Sr. John Bolton, da Agência Nacional de Segurança dos EEUU era subserviência aos americanos. Ajoelhar e fazer um b... para Hugo Chávez seria o quê então?

- “Enquanto os petistas falam da continência de Bolsonaro ao americano, não vamos deixá-los esquecer , da referência  de joelho que Lula fez aos ditadores Hugo Chaves e Evo Morales

Há, porém, um problema com a imagem de Lula da Silva, entretanto preso pelo crime de corrupção passiva: o facto de ser falsa. O site brasileiro de fact-checking boatos.org verificou a informação e concluiu: “Notamos que a imagem de Lula está com uma iluminação um pouco diferente da do resto do ambiente (...) também notámos que a qualidade da imagem é muito baixa”, o que é uma característica comum em imagens adulteradas.

lula da silva

O boatos.org conseguiu encontrar a imagem original numa galeira de fotos da cimeira em questão, publicada num site no Uruguai. Na verdade, Lula está a dar um abraço a Hugo Chávez. Ambos estão em pé, mas depois da manipulação Lula aparece num plano inferior.

Avaliação do Polígrafo:

Pimenta na Língua