"O programa político de André Ventura defende que Portugal deve sair da ONU. Seria um Estado-pária, com certeza", afirmou hoje João Ferreira, eurodeputado do PCP e candidato à Presidência da República, no debate frente a André Ventura, deputado e líder do Chega e adversário na corrida ao Palácio de Belém.

Verdade ou falsidade?

Na página oficial do Chega está disponível para consulta o "Programa Político 2019" com a "matriz política" do partido liderado por André Ventura.

O Polígrafo detectou três referências à ONU no documento.

A primeira, no capítulo sobre "Educação", consiste na defesa da seguinte proposta: "O fim da aplicação das ideologias de inclusão e ideologia de género no sistema nacional de educação, colocando-se termo à aplicação das orientações da ONU relativamente às chamadas 'questões psicológicas de transtorno de identidade de género'".

Quanto à segunda e terceira referências, encontram-se ambas no capítulo sobre "Política Externa", em que se sublinha "a necessidade da reavaliação do interesse efectivo da nossa presença na ONU. Por duas ordens de razões, qualquer uma delas relevante: No estrito quadro das atribuições que supostamente haveriam de ser as suas quando da sua fundação como substituta da defunta Sociedade das Nações, a sua total inoperância e crassa inutilidade são por demais evidentes. Em contrapartida, transformou-se numa produtora e difusora do marxismo cultural e do globalismo massificador que não estamos dispostos a consumir e, muito menos, a pagar para que outros os consumam".

Mais, propõe-se a "eliminação de participação em agências e ONG's que interferem na soberania nacional" e defende-se "a necessidade da imediata reversão da outorga do suicidário 'Pacto para as Migrações' que a 'ONU' pretende concretizar".

Em suma, é legítimo concluir que "o programa político de André Ventura defende que Portugal deve sair da ONU", embora isso não seja assumido explicitamente no programa que aponta mais ambiguamente para a "a necessidade da reavaliação do interesse efectivo da nossa presença na ONU".

_________________________________

Avaliação do Polígrafo:

Siga-nos na sua rede favorita.
Verdadeiro, mas...
International Fact-Checking Network