“Trieste – Itália. Viva a liberdade! Não ao certificado digital!”, pode-se ler numa publicação no Facebook, datada de 17 de outubro, e partilhada mais de 500 vezes.

No dia 18 de outubro, uma fotografia igual foi partilhada com a legenda: “A Itália contra o certificado digital e o protocolo obrigatório que vai contra os direitos fundamentais do ser humano”.

Também no Instagram e no Twitter, a mesma fotografia aérea já foi partilhada centenas de vezes. Os autores das publicações alegam que a imagem é um protesto, na cidade italiana de Trieste, contra a obrigação de apresentação do certificado digital de vacinação nos locais de trabalho, medida que entrou em vigor a 15 de outubro no país.

Na última semana, várias cidades italianas têm sido palco de manifestações e greves contra a obrigação do certificado digital. Em Trieste, no nordeste do país, os manifestantes montaram barricadas e bloquearam um dos principais acessos ao porto da cidade.

No entanto, a imagem que circula nas redes sociais e onde se podem ver milhares de pessoas não é do protesto em Trieste, mas do festival The Street Parade, realizado todos os anos em Zurique, na Suíça. Uma pesquisa pela fotografia na aplicação TinEye revela uma imagem idêntica publicada no site do festival de música, onde é possível encontrar o mesmo cenário visto de ângulos diferentes, numa galeria de fotografias alusiva à edição de 2018.

  • Vídeo mostra camionistas e agricultores italianos em protesto contra o certificado digital?

    Está a ser divulgado no Facebook um vídeo narrado em italiano no qual se observam centenas de camiões parados. Na publicação, afirma-se que "os camionistas e agricultores pararam o país [Itália] nos últimos dois dias" em protesto contra as medidas que impõem o certificado de vacinação/testagem aos trabalhadores a partir de 15 de outubro. Verificação de factos.

Através do Google Maps encontramos também a ponte que surge na imagem, que se trata da ponte de Quaibrücke, em Zurique.

A mesma fotografia já tinha circulado antes nas redes sociais, mas associada a manifestações contra as medidas restritivas de combate ao Covid-19 na Alemanha.

___________________________________

Nota editorial: este conteúdo foi selecionado pelo Polígrafo no âmbito de uma parceria de fact-checking (verificação de factos) com o Facebook, destinada a avaliar a veracidade das informações que circulam nessa rede social.

Na escala de avaliação do Facebook, este conteúdo é:

Falso: as principais alegações dos conteúdos são factualmente imprecisas; geralmente, esta opção corresponde às classificações "Falso" ou "Maioritariamente Falso" nos sites de verificadores de factos.

Na escala de avaliação do Polígrafo, este conteúdo é:

Assina a Pinóquio

Fica a par de todos os fact-checks com a newsletter semanal do Polígrafo.
Subscrever

Recebe os nossos alertas

Subscreve as notificações do Polígrafo e recebe todos os nossos fact-checks no momento!

Em nome da verdade

Segue o Polígrafo nas redes sociais. Pesquisa #jornalpoligrafo para encontrares as nossas publicações.
Falso
International Fact-Checking Network