Desde Abílio Martins, membro do Conselho de Administração, com um prémio de 110.000 euros, até Sandra Luz, da área de "Finanças - Contabilidade Impostos), com um prémio de 5.073 euros. Ao todo são 44 funcionários da TAP com "prémios acima dos 5.000 euros".

Esta publicação foi denunciada por vários utilizadores do Facebook como sendo falsa ou enganadora. Trata-se de uma lista autêntica?

Sim, a lista em causa foi revelada em junho de 2019 por vários órgãos de comunicação social (pode conferir aqui, aqui ou aqui, entre outros exemplos).

Analisando o grafismo da lista verifica-se que a imagem foi replicada especificamente a partir de um artigo do jornal "Sol", datado de 9 de junho de 2019, com o seguinte título: "Prémio de 400 mil euros para CEO da TAP foi chumbado".

"Os representantes do Estado (Parpública) no Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho e Diogo Lacerda Machado, chumbaram a proposta de prémios para os vários administradores apresentada em Conselho de Administração da companhia aérea. Nesta lista, era sugerida, entre outras, a atribuição de um bónus de 400 mil euros só para o presidente da comissão executiva da TAP, Antonoaldo Neves, apurou o 'Sol'. Mas os administradores nomeados pelo Estado também se opuseram a todos os demais prémios (constantes da lista que foi divulgada esta quinta-feira pelo 'i'), desde que não decorrentes de obrigações contratuais", informou na altura o referido jornal.

De facto, a lista começou por ser revelada em primeira mão pelo jornal "i", em artigo publicado no dia 6 de junho de 2019, com o seguinte título: "TAP. Administrador recebe prémio de 110 mil euros em ano de perdas".

"O administrador da TAP Abílio Martins recebeu 110 mil euros de prémio da TAP. Ao todo, a companhia aérea pagou bónus de 1,17 milhões de euros a 180 pessoas, apesar de ter registado um prejuízo de 118 milhões de euros no ano passado", noticiou o referido jornal. "O ex-braço direito de Zeinal Bava na PT e na Oi beneficiou deste prémio mesmo com a empresa que administra, a Cateringpor, a apresentar perdas pela primeira vez. O mesmo valor foi recebido pelo chief revenue officer da TAP, Elton D’Souza".

Concluímos assim que a lista é autêntica, sem qualquer alteração a partir da que foi originalmente publicada em órgãos de comunicação social.

_______________________________________

Nota editorial: este conteúdo foi selecionado pelo Polígrafo no âmbito de uma parceria de fact-checking (verificação de factos) com o Facebook, destinada a avaliar a veracidade das informações que circulam nessa rede social.

Na escala de avaliação do Facebookeste conteúdo é:

Verdadeiro: as principais alegações do conteúdo são factualmente precisas; geralmente, esta opção corresponde às classificações "Verdadeiro" ou "Maioritariamente Verdadeiro" nos sites de verificadores de factos.

Na escala de avaliação do Polígrafoeste conteúdo é:

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.
Verdadeiro
International Fact-Checking Network