"Mais de 400 aviões privados estacionados para a Conferência do Clima em Glasgow. Assim se deslocaram muitos dos conferencistas, para decidirem que o teu carro a gasóleo está a destruir o clima do planeta. Quanta hipocrisia!", destaca-se num post de Facebook com mais de 90 partilhas.

Na publicação de 9 de novembro é divulgada uma imagem de uma base aérea com várias dezenas de aviões de pequena dimensão.

A 26.ª Conferência das Nações Unidas sobre as Alterações Climáticas (COP26), cuja missão é estabelecer medidas para evitar um aquecimento global acima de 1,5 °C, começou no dia 31 de outubro e vai prolongar-se até dia 12 de novembro. Vários líderes mundiais como o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, o Príncipe Charles e o presidente dos EUA, Joe Biden, foram criticados nas redes sociais pelo uso excessivo de transportes privados, enquanto promovem esforços para reduzir as emissões de carbono.

Tal como verificado pelo Polígrafo, é verdade que, apesar da temática e objetivos da conferência, foram registados centenas de voos não comerciais para os aeroportos de Glasgow, Prestwick e Edimburgo desde 27 de outubro. A empresa de análise de aviação Cirium disse à BBC que houve um total de 76 voos relacionados com jatos privados, ou voos VIP, que chegaram a Glasgow e arredores nos quatro dias anteriores a 1 de novembro.

No entanto, é falso que a imagem que está a ser partilhada nas redes sociais tenha sido captada em Glasgow ou em qualquer outra base aérea da Escócia no contexto da realização desta conferência.

COP26. Verdades e mentiras sobre as alterações climáticas e respetivas consequências
COP26. Verdades e mentiras sobre as alterações climáticas e respetivas consequências
Ver artigo

A plataforma de fact checking da Agence France Presse (AFP) pesquisou a origem da fotografia através de várias  ferramentas de pesquisa inversa de imagens, chegando a uma notícia publicada em fevereiro de 2013 no site AINonline.

No site informativo sobre aviação, é divulgada a imagem que é acompanhada de uma legenda, na qual se lê: Quase 700 jatos executivos voaram para o Aeroporto Lakefront de Nova Orleães, para o maior evento desportivo do ano”, referindo-se ao Super Bowl, o evento anual do jogo final do campeonato da NFL, a principal liga de futebol americano dos Estados Unidos.

A autoria da imagem é atribuída a David G. Spielman. Contactado pela equipa de fact-check da AFP, Spielman confirmou ser o autor da fotografia. A AFP localizou ainda um vídeo no Youtube , publicado em março de 2013, com a descrição: "Super Bowl no Aeroporto de Lakefront em Nova Orleães."

Conclui-se que a imagem divulgada na publicação foi captada em 2013, durante a realização do Super Bowl nos EUA. Está, portanto, a ser utilizada de forma descontextualizada para ilustrar a deslocação de aviões particulares até Glasgow a propósito da COP26.

___________________________________

Nota editorial: este conteúdo foi selecionado pelo Polígrafo no âmbito de uma parceria de fact-checking (verificação de factos) com o Facebook, destinada a avaliar a veracidade das informações que circulam nessa rede social.

Na escala de avaliação do Facebook, este conteúdo é:

Falta de contexto: conteúdos que podem ser enganadores sem contexto adicional.

Na escala de avaliação do Polígrafo, este conteúdo é:

Assina a Pinóquio

Fica a par de todos os fact-checks com a newsletter semanal do Polígrafo.
Subscrever

Recebe os nossos alertas

Subscreve as notificações do Polígrafo e recebe todos os nossos fact-checks no momento!

Em nome da verdade

Segue o Polígrafo nas redes sociais. Pesquisa #jornalpoligrafo para encontrares as nossas publicações.
Descontextualizado
International Fact-Checking Network