Data de 13 de agosto, a publicação em causa aconselha a "tirar imediatamente o guizo do seu gato", devido a "cinco motivos" que passamos a transcrever:

1. "Não permite ao gato manter seu comportamento natural. Porque os gatos são predadores silenciosos. Nas suas brincadeiras de caça ou mesmo com fita, causa-lhes stress extremo;

2. Barulho contínuo pode levar a surdez;

3. Aumento da agressividade. Mesmo a dormir, ao mudar minimamente de posição, o barulho do guizo é constante e acorda o animal, deixando-o mais irritadiço;

4. É anti-natural e desnecessário, causa stress e desconforto e sentimentos de insegurança para o gato;

5. Problemas físicos. Com aumento do cortisol (hormona do stress) existe a imunodepressão, ou seja, o gato em stress fica doente porque o seu sistema imune está deficiente".

O Polígrafo contactou Gonçalo da Graça Pereira, médico veterinário e especialista em Comportamento Animal, questionando-o sobre esta matéria, o qual confirma que os guizos nas coleiras são "extremamente prejudiciais" relativamente ao comportamento e bem-estar dos gatos.

"É um ruído, uma vibração constante. São raras as situações em que podemos indicar a utilização do guizo, mas é muito pouco frequente. O ideal é não utilizar", sublinha.

Quanto aos referidos "problemas físicos", o médico veterinário explica que "quando há uma situação de stress contínuo, há uma série de hormonas libertadas, entre as quais o cortisol. E o cortisol é responsável por uma depressão do sistema imunitário. Isso pode abrir caminho a outras doenças virais, bacterianas, entre outras". Ressalva, porém, que "precisa de ser uma situação muito crónica e os tutores não prestarem atenção aos sinais que os animais estejam a dar. Mas pode acontecer".

Em relação ao desenvolvimento de surdez, o especialista considera que "teria de ser um barulho muito alto para rebentar o tímpano" e não acredita que seja uma "causa direta".

Questionado sobre o que motiva a colocação de guizos nas coleiras dos gatos, prática comum, Graça Pereira indica que "normalmente é para gatos com acesso à rua e que caçam. O guizo serve para que possam alertar a presa e esta consiga fugir".

"Sei que há muita gente que os utiliza para saber onde o gato está. Mas temos de compreender porque é que precisamos de localizar o animal. Porque ataca? Se assim for, deve ser tratado. Colocar o guizo não vai resolver, pode criar mesmo uma maior ansiedade e frustração no gato que pode originar outros problemas", conclui.

__________________________________________

Nota editorial: este conteúdo foi selecionado pelo Polígrafo no âmbito de uma parceria de fact-checking (verificação de factos) com o Facebook, destinada a avaliar a veracidade das informações que circulam nessa rede social.

Na escala de avaliação do Facebook, este conteúdo é:

Verdadeiro: as principais alegações do conteúdo são factualmente precisas; geralmente, esta opção corresponde às classificações "Verdadeiro" ou "Maioritariamente Verdadeiro" nos sites de verificadores de factos.

Na escala de avaliação do Polígrafo, este conteúdo é:

Siga-nos na sua rede favorita.
Verdadeiro
International Fact-Checking Network