A primeira imagem, relativa ao Governo de Portugal, está desatualizada. Na verdade trata-se de uma fotografia do anterior Governo liderado por António Costa, à porta da Presidência do Conselho de Ministros.

Não obstante, está a ser difundida como se fosse do atual Governo que, de facto, é constituído por 70 membros, englobando 20 ministros (incluindo o primeiro-ministro) e 50 secretários de Estado.

Na segunda imagem, relativa ao Governo da Finlândia, contam-se apenas 15 elementos, incluindo a primeira-ministra Sanna Marin.

É verdade que o Governo de Portugal tem 70 membros enquanto o da Finlândia tem apenas 15 membros, como sugere a publicação em causa?

No que respeita ao Governo de Portugal, confirma-se que tem 70 membros - englobando, tal como já referimos, 20 ministros (incluindo o primeiro-ministro) e 50 secretários de Estado.

No que respeita ao Governo da Finlândia, porém, apesar de a imagem ser verdadeira, estão atualmente em funções 19 ministros (incluindo a primeira-ministra) e 20 secretários de Estado, perfazendo um total de 39 membros (pode conferir aqui).

É verdade que o atual Governo de Portugal tem mais ministros e secretários de Estado do que o atual Governo da Finlândia, mas a diferença não é tão significativa (70-39 e não 70-15) como se sugere na publicação, apresentado uma fotografia incompleta do Governo da Finlândia em que nem sequer estão presentes todos os 19 ministros que o compõem.

A publicação sob análise está assim a enganar ou a induzir os leitores em erro.

***

Nota editorial: este conteúdo foi selecionado pelo Polígrafo no âmbito de uma parceria de fact-checking com o Facebook, destinada a avaliar a veracidade das informações que circulam nessa rede social.

Na escala de avaliação do Facebookeste conteúdo é:

Falso: as principais alegações dos conteúdos são factualmente imprecisas. Geralmente, esta opção corresponde às classificações "Falso" ou "Maioritariamente falso" nos sites de verificadores de factos;

Na escala de avaliação do Polígrafoeste conteúdo é:

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.
Falso
International Fact-Checking Network