Importa salientar que a lista em causa, supostamente publicada no jornal "Daily Mail", começou por ser divulgada num programa do canal Benfica TV, em meados de 2017. A partir daí saltou para as redes sociais, tornando-se viral, não somente através da página "Benfica Campeão" mas multiplicando-se em diversas publicações que se baseiam na mesma lista e, na maior parte dos casos, recorrendo às mesmas imagens.

No referido programa da Benfica TV e nas subsequentes publicações nas redes sociais não se encontra qualquer imagem fidedigna ou ligação para o artigo original no jornal "Daily Mail". O Polígrafo consultou o arquivo do jornal e não encontrou esse artigo nem qualquer referência à lista dos "clubes mais corruptos do futebol europeu".

O facto é que, logo em 2017, quando a suposta lista foi divulgada no canal Benfica TV, o Futebol Clube do Porto desmentiu a existência da mesma. Aliás, contactou mesmo o jornal "Daily Mail", questionando sobre se tal artigo teria sido ou não publicado. Na resposta, o departamento editorial do jornal assegurou que esse artigo nunca foi publicado.

Em suma, a história é claramente falsa. Não, o jornal "Daily Mail" não publicou a suposta lista dos "clubes mais corruptos do futebol europeu", na qual o Futebol Clube do Porto se destacaria na terceira posição. A existência da lista já tinha sido desmentida em 2017, quando surgiu pela primeira vez, mas dois anos depois continua a circular de forma viral nas redes sociais, sobretudo em páginas dedicadas ao futebol português.

Avaliação do Polígrafo:

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.
Pimenta na Língua