Do Twitter para o Facebook e até no Instagram surgiram algumas partilhas descontextualizadas desta fotografia que retrataria, supostamente, um piloto russo a ejetar-se de um caça em explosão na guerra da Ucrânia.

Praticamente desde o primeiro dia da invasão da Ucrânia por forças militares da Rússia que está a ser difundida nas redes sociais, em alguns casos gerando dúvidas por causa da baixa resolução e aparente inverosimilhança. Mas o facto é que a imagem é real.

Mediante ferramentas como a "TinEye" e a "InVID" encontramos a respetiva origem numa fotografia captada no dia 24 de julho de 1993 que está arquivada na página "AirTeamImages" (pode ver aqui). A imagem que está a ser partilhada nas redes sociais consiste numa inversão (efeito de espelho) da fotografia original.

Captada por Carl Ford, a fotografia retrata um piloto a ejetar-se de um caça russo MiG-29 em chamas, na sequência de uma colisão com outro caça, durante o Festival Aéreo de Fairford, na Inglaterra, a 24 de julho de 1993. Ou seja, há quase três décadas.

Existem também vídeos que registam o momento da colisão entre os dois caças da Força Aérea Russa (pode ver aqui ou aqui), publicados no YouTube.

Apesar da violência da colisão e subsequentes explosões, os pilotos dos dois caças russos conseguiram ejetar-se a tempo e escaparam ilesos do aparatoso acidente. E também ninguém ficou ferido em terra, entre os que assistiam ao espetáculo.

_____________________________

Avaliação do Polígrafo:

Assine a Pinóquio

Fique a par dos nossos fact checks mais lidos com a newsletter semanal do Polígrafo.
Subscrever

Receba os nossos alertas

Subscreva as notificações do Polígrafo e receba os nossos fact checks no momento!

Em nome da verdade

Siga o Polígrafo nas redes sociais. Pesquise #jornalpoligrafo para encontrar as nossas publicações.
Falso
International Fact-Checking Network