O primeiro jornal português
de Fact-Checking

“Escreva ‘Feliz Ano Novo’ e entregaremos caixas gratuitas à sua porta”. Esta promoção da Aldi é real?

Sociedade
Este artigo tem mais de um ano
O que está em causa?
Quem nunca "clicou" numa promoção assim tão fácil e vantajosa? Basta escrever "Feliz Ano Novo" na caixa de comentários da página "Aldi Fans" e recebe em casa, gratuitamente, caixas de produtos variados da rede de supermercados alemã que tem mais de 100 lojas em Portugal. O problema é que a suposta "promoção" não tem qualquer relação com a Aldi, não passa de um esquema de burla. Atenção, não se deixe ludibriar.

“Por ocasião do ano novo, entregaremos caixas gratuitas à sua porta. Para quem escreveuFeliz Ano Novo‘ antes de 28 de dezembro às 21h”, destaca-se numa das publicações no Facebook com a suposta promoção da rede de supermercados Aldi.

Na respetiva caixa de comentários indica-se ainda que “o sortudo vencedor será anunciado nas próximas 48 horas, por isso decidimos sorteá-lo a quem partilhar/comentar marcar sete amigos/curtir a nossa página! Boa sorte“.

O Polígrafo detetou largas dezenas de posts com esta promoção, quase todas com origem em páginas denominadas como “Aldi Fans” que apresentam o logótipo da rede de supermercados alemã que explora 108 lojas em Portugal.

A promoção em causa é real?

Desde logo, as páginas em causa não têm qualquer relação com as páginas oficiais da Aldi, o que levanta evidentes suspeitas de fraude ou burla.

Mais, nos comentários em que se anuncia um sorteio aparece uma hiperligação. Ao clicar somos remetidos para uma página externa e deparamos com a seguinte mensagem: “Parabéns, você foi escolhido como nosso vencedor.”

O que está em causa? Garrafas de vinho tinto, mais precisamente com o rótulo Piteira Alicante Bouschet. São iguais, mas o preço de uma garrafa comprada num hipermercado corresponde ao de quase cinco num supermercado local. Assim se denuncia em publicação viral no Facebook e o Polígrafo questionou os comerciantes sobre esta disparidade.

Não escrevemos “Feliz Ano Novo”, nem seguimos qualquer instrução, mas fomos desde logo “escolhidos” como “vencedores” das “caixas gratuitas”. Ora, sucessivos sinais vermelhos.

E segue-se a confirmação, ao ser-nos pedido que indiquemos dados pessoais como o endereço de e-mail e o número de telemóvel. Além de uma hiperligação que nos impele: “Cadastre-se agora.”

De resto, o Polígrafo contactou a cadeia de supermercados Aldi que negou ser responsável por qualquer publicação desta natureza. 

A Aldi Portugal é totalmente alheia à publicação/passatempo descrito. Reforçamos a nossa recomendação para não confiarem e denunciarem esta página“, sublinhou a empresa, em resposta ao Polígrafo.

____________________________

Avaliação do Polígrafo:

Partilhe este artigo
Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

Relacionados

Em destaque