"Neste contexto que vivemos e dado a aceleração da pandemia em África, decidimos que não podemos virar costas, e entrámos numa missão de angariação de fundos para compra de equipamentos de proteção individual e entregar em hospitais e instituições destes países. Preparámos uma campanha telefónica, e ao ligar para o número 761 100 350 já estamos a entregar o donativo. O valor da chamada é de 1 euro + IVA. Uma pequeno valor que pode significar muito para quem desespera por auxílio", indica-se na mensagem em causa.

"Temos o apoio da SIC, SIC Notícias e SIC Mulher e também da RTP, e outros parceiros na divulgação. Participe nesta missão e ajude-nos a ajudar! Basta ligar o 761 100 350. Nota: esta campanha está devidamente autorizada pelo Ministério da Administração Interna no período de 29 de junho a 5 de julho", conclui-se.

Verdade ou falsidade?

Questionado pelo Polígrafo, o Ministério da Administração Interna (MAI) esclarece que "a Secretaria-Geral da Administração Interna (SGMAI) emitiu uma autorização para um pedido de angariação de receitas feito pela Federação das Mulheres Empresárias da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (FME-CE CPLP), a realizar do dia 29 de junho ao dia 05 de julho de 2020, em território nacional, com o objetivo de apoiar instituições e hospitais com equipamentos de proteção individual para ajuda no combate à epidemia por Covid-19, em Moçambique e em Cabo Verde".

De acordo com a mesma entidade, a angariação está a ser realizada através de depósito direto, transferência bancária e através da linha telefónica destacada na mensagem.

De facto, e consultando o site oficial da Federação das Mulheres Empresárias da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (FME-CE CPLP), destaca-se um artigo que em tudo parece corresponder à campanha em causa.

"A FME-CE CPLP, entra numa missão de Angariação de Fundos, para apoio aos países CPLP, na luta contra a pandemia por Covid 19. O objectivo é a compra de equipamentos de protecção individual e fazê-los chegar a Hospitais e Instituições destes países. (...) Para contribuir basta apenas ligar para o 761 100 350, e automaticamente está a entregar o seu donativo", salienta-se no texto.

Contactada pelo Polígrafo, a FME-CE CPLP esclarece que "a mensagem reencaminhada, embora do âmbito da campanha, surge deslocada da imagem da campanha e informação do promotor, o que não acontece na divulgação séria que estamos a fazer", sublinhando que a mensagem em causa, ainda que referente à campanha, não foi remetida pela organização.

Em nota enviada ao Polígrafo, a SIC afirma que não se trata de um apoio ao projeto, mas sim de um pedido de divulgação: "Recebemos um pedido de divulgação por parte da CPLP e depois de analisarmos a informação sobre a campanha apenas disponibilizámos tempo de antena através do espaço de serviço público como habitual neste tipo de pedidos".

A RTP confirma que o projeto tem o apoio da RTP África e "que está a passar neste canal desde quarta-feira (1 de julho) até domingo (5 de julho)."

______________________________

Avaliação do Polígrafo:

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.
Verdadeiro, mas...
International Fact-Checking Network