"Como militar aprendi o que é a fome, aprendi o que é o frio, aprendi o que é a dor. Que um banho quente é um luxo! Descobri o quanto valem cinco minutos de sono e que para dormir não preciso de um tecto nem de um travesseiro", lê-se no início do breve texto, em forma de citação atribuída ao vice-almirante Henrique Gouveia e Melo, coordenador da task force do Plano de Vacinação contra a Covid-19.

"Entendi que nada cai do céu a não ser a chuva, que todas as coisas têm um preço, o seu devido valor", prossegue-se no texto em causa. "Vi que os homens também choram. Aprendi, pratiquei e senti o que é a camaradagem, o que é a honra e o dever! E tu, sabes o significado de tudo isto?"

Em comentário paralelo, o autor da publicação defende que "este sim, um exemplo a seguir, tanta falta nos fazem mais uns quantos como ele".

A citação é autêntica?

O facto é que não encontramos qualquer registo público de tais afirmações de Gouveia e Melo.

Por outro lado, contactámos a task force e obtivemos a confirmação de que o vice-almirante não proferiu (nem escreveu) as afirmações do texto que está a ser partilhado nas redes sociais. Ou seja, trata-se de uma citação apócrifa.

Esta não é a primeira vez que o Polígrafo verifica publicações nas redes sociais em que se atribui, de forma errada ou deturpada, citações ao coordenador do Plano de Vacinação contra a Covid-19.

__________________________________________

Nota editorial: este conteúdo foi selecionado pelo Polígrafo no âmbito de uma parceria de fact-checking (verificação de factos) com o Facebook, destinada a avaliar a veracidade das informações que circulam nessa rede social.

Na escala de avaliação do Facebookeste conteúdo é:

Falso: as principais alegações dos conteúdos são factualmente imprecisas; geralmente, esta opção corresponde às classificações "Falso" ou "Maioritariamente Falso" nos sites de verificadores de factos.

Na escala de avaliação do Polígrafoeste conteúdo é:

Siga-nos na sua rede favorita.
Falso
International Fact-Checking Network