"O senhor, finalmente, deve fazer parte das suas negociações, vai pôr o subsídio de risco para os profissionais de Saúde. Propusemos isso e os senhores chumbaram, como sabe. Propusemos uma fórmula semelhante e o PS chumbou", afirmou hoje o deputado Telmo Correia, do CDS-PP, em reunião plenária na Assembleia da República em que se debateu a proposta de Orçamento do Estado para 2021 (OE2021), dirigindo-se ao primeiro-ministro António Costa que, na intervenção seguinte, não abordou essa questão levantada pelo deputado centrista.

De facto, na proposta de OE2021 que será votada amanhã na generalidade está prevista a criação de um subsídio de risco para os profissionais de Saúde que poderá chegar aos 219 euros.

É verdade que o CDS-PP já tinha apresentado uma proposta similar, há poucos meses, mas foi chumbada pelo grupo parlamentar do PS?

Sim. Em junho, quando foi aprovado o Orçamento Suplementar de 2020, o CDS-PP apresentou uma proposta de alteração que previa uma "remuneração extraordinária aos profissionais de Saúde" (Proposta de Alteração 15.4).

Nessa proposta, o CDS-PP sublinhava que "é fundamental que o Governo estude a possibilidade de atribuir aos profissionais de Saúde que estão na linha da frente no combate à pandemia, com sacrifícios e riscos acrescidos, uma remuneração extraordinária, correspondente a um bónus, que nunca lhes irá pagar o sacrifício destes meses, pois temos consciência que esse sacrifício não tem preço, mas que corresponderá a um justo e simbólico reconhecimento pelo seu esforço, trabalho e abnegação, nestas circunstâncias anormalmente adversas, que acarretam custos pessoais e familiares acrescidos".

Votação subsídio de risco

A proposta foi a votação na especialidade e acabou por ser chumbada pelo PSo único partido a votar contra. Tanto o BE como o PCP, CDS-PP, Chega e IL votaram a favor, enquanto o PSD optou pela abstenção.

Em suma, a alegação do deputado Telmo Correia é verdadeira.

___________________________

Avaliação do Polígrafo:

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.
Verdadeiro
International Fact-Checking Network