O Museu Benfica - Cosme Damião, na página oficial no Facebook, partilhou: "António Simões é, ainda hoje, o mais jovem campeão europeu de sempre com 18 anos, 4 meses e 18 dias". Na publicação, o clube lisboeta não adianta mais detalhes do recorde e apresenta uma fotografia do antigo jogador que data de agosto de 1961.

É verdade?

Sim. Numa página dedicada aos vários recordes e curiosidades das finais da Liga dos Campeões e da Taça dos Clubes Campeões Europeus, disponível nos site oficial da UEFA, pode constatar-se que António Simões é o mais jovem vencedor de sempre e também o mais jovem a disputar uma final.

Simões nasceu no dia 14 de dezembro de 1943 em Corroios, Seixal. A 2 de maio de 1962, com 18 anos e 139 dias, jogou na equipa do Sport Lisboa e Benfica que disputou a final da Taça dos Clubes Campeões Europeus frente ao Real Madrid, no Estádio Olímpico de Amesterdão, nos Países Baixos.

A equipa lisboeta venceu a final por 5-3, com golos de José Águas, Cavém, Mário Coluna e Eusébio (por duas vezes). Os três golos dos espanhóis foram marcados por Ferenc Puskás. Foi a segunda vitória consecutiva do Benfica na principal prova de clubes da UEFA.

Há outros portugueses nas listas dos recordes das finais da Taça dos Clubes Campeões Europeus ou Liga dos Campeões. Por exemplo, Cristiano Ronaldo é o jogador com mais presenças (seis) e golos (quatro) em finais desde que a prova passou para o formato de Liga dos Campeões. Ronaldo também faz parte do lote de jogadores que mais golos marcaram numa final da Liga dos Campeões (dois golos, quando ainda atuava no Real Madrid, frente à Juventus em 2017), em conjunto com Gareth Bale, Hernán Crespo, Filippo Inzaghi, Daniele Messaro, Diego Milito e Karl-Heinz Riedle.

Quanto a treinadores, José Mourinho faz parte do grupo de treinadores que está em segundo lugar em vitórias por mais de um clube (uma pelo FC Porto e outra pelo Inter de Milão), com Ernst Happel, Jupp Heynckes e Ottmar Hitzfeld. À frente está apenas Carlo Ancelotti que vencer por três vezes por clubes diferentes (duas pelo AC Milan e uma pelo Real Madrid).

O SL Benfica é o sétimo clube com mais participações em finais, uma vez que jogou sete. Real Madrid (16), Milan (11), Bayern de Munique (11), Juventus (9), Liverpool (9) e Barcelona (8) são as equipas com mais participações. Por outro lado, o clube lisboeta é o segundo com mais derrotas em finais com cinco, as mesmas que o Bayern de Munique e apenas atrás das sete da Juventus.

Já o Futebol Clube do Porto é um dos seis clubes que venceram todas as finais que disputaram. Os outros são Nottingham Forest, Aston Villa, Estrela Vermelha, Feyenoord e PSV Eindhoven. Destes, apenas o FC Porto e o Nottingham Forest participaram e venceram mais do que uma vez, ambos com duas participações e vitórias.

________________________________________

Nota editorial: este conteúdo foi selecionado pelo Polígrafo no âmbito de uma parceria de fact-checking (verificação de factos) com o Facebook, destinada a avaliar a veracidade das informações que circulam nessa rede social.

Na escala de avaliação do Facebook, este conteúdo é:

Verdadeiro: as principais alegações do conteúdo são factualmente precisas; geralmente, esta opção corresponde às classificações "Verdadeiro" ou "Maioritariamente Verdadeiro" nos sites de verificadores de factos.

Na escala de avaliação do Polígrafo, este conteúdo é:

Siga-nos na sua rede favorita.
Verdadeiro
International Fact-Checking Network